Kristen Stewart não gosta de Salto Alto

30 nov

Kristen Stewart não gosta nem um pouco de usar salto alto. Ela já deixou claro que se fosse possível ela sempre estaria no tapete vermelho com sapatos confortáveis, diferentes daqueles usados pelas suas colegas.

Ela se apresentou na première do filme “Amanhecer – Parte 2”, na cidade de Berlim, na Alemanha, onde acabou sendo fotografada novamente trocando o calçado nos bastidores do evento. Kristen trocou o sapato antes de posar para as fotos ao lado de Robert Pattinson e Taylor Lautner.

Tara Swennwn é a stylist de Kristen e contou para a revista “The Cut”, onde disse que Kristen realmente é meio moleque e gosta de conforto, mas entende que na moda as vezes é preciso de vestir de forma diferente de como se veste no cotidiano. Apesar disso, Kristen sempre troca o salto por sapato confortável no tapete vermelho, mas aceita o salto apenas quando faz as fotos.

Mas Tara explica que não se importa de Kristen trocar o sapato, apesar de já ter que implorar para que a atriz use o salto, afinal de contas fica melhor nas fotos. Apesar disso, os tênis fazem parte da personalidade de Kristen e não há como mudar o jeito dela ser.


 

Catherine Zeta-Jones doa Sapatos para Leilão

29 nov

Catherine Zeta-Jones colocou um par de seus sapatos para ser leiloado, no intuito de arrecadar dinheiro para financiar a busca da menina de 5 anos, April Jones, que desapareceu há sete semanas.

Um amigo da família de April, Vikki Macdonald, disse: “Nós escrevemos uma carta a Catherine para pedir apoio. Ela gentilmente nos cedeu os sapatos que ela usou para uma estreia, para ajudar a Fundação April Jones”, disse.

Os sapatos, juntamente com uma foto assinada, vão a leilão em uma noite de angariação de fundos especiais na cidade natal da menina, em Machynlleth, no País de Gales, no final deste mês.

 

Os Sapatos de Ana Hickmann para o Reality Top Model

28 nov

Ana Hickmann caprichou no seu visual para a grande final da disputa de Top Model, o Reality, exibido como quadro do Tudo É Possível, da Record. A apresentadora compartilhou a imagem do par de sapatos que usou, cheio de brilho e tachas.

Este modelo chama-se Heel-Less, conhecido como sapatos Cleópatra, que são altíssimos, mas sem saltos que apoiam o calcanhar. Todo o peso do corpo vai para a frente e é preciso ter equilíbrio para andar sobre eles.

 

Manolo Blahnik receberá British Fashion Awards

27 nov

O estilista espanhol de sapatos Manolo Blahnik receberá uma homenagem por sua carreira no Prêmio da Moda Britânica (British Fashion Awards), que será entregue hoje, em Londres, anunciou a organização. O desenhista receberá o prêmio, que celebra a trajetória de um estilista, em cerimônia que acontecerá no hotel Savoy de Londres, justamente no dia de seu aniversário de 70 anos.

“Não deixo de olhar para frente e de pensar em novos desafios, pois isso é o que me mantém vivo. Se olho para trás, me sinto assustado, não feliz”, afirmou em entrevista ao jornal inglês The Guardian nesta quarta-feira.

Apesar do glamour dos sofisticados calçados, que custam milhares de euros e são conhecidos popularmente como “manolos”, Blahnik afirma que sempre busca o “conforto”. “Adoro o exagero e o excêntrico, mas é preciso estar confortável. Se não, é uma bobagem. Não há nada de belo em uma mulher que não pode andar com seus sapatos”, disse o estilista.

O espanhol também disse que “odeia” os saltos plataforma. “Eles fazem com que uma jovem gordinha, que pensa que vai parecer mais alta se usá-las, fique com uma aparência estranha.”.

Só para lembrar que éle é muito reconhecido, em 2007, foi condecorado pela rainha Elizabeth II como comandante da Ordem do Império Britânico.

Site: www.manoloblahnik.com


 

Linha Bridal da Andarella

26 nov

A Andarella lançou uma coleção de sapatos feitos sob-medida para as noivas. A linha Bridal da marca é formada por seis modelos em oito tecidos padrões e outros oito tecidos que trocam conforme cada coleção, estes últimos em tons mais coloridos como rosa, azul e amarelo.

Além das cores, as noivas podem também optar por acessórios para customizar o seu par. Laços, Flores, Strass, entre outros itens, para deixar o sapato com a sua cara. O prazo de entrega de cada par customizado é de até 90 dias.

Site: www.andarella.com.br


 

Keep Calm, Buy Shoes!

25 nov

Mais uma frase essa semana para vocês!!! Boa dica para um domingo que antecede ao Natal, não é? Fique calma, Compre sapatos!!!!

 

O Par Perfeito!

24 nov

“Toda mulher deseja o par perfeito: um para o coração e centenas para os pés!!!!!!!!!!!

E isso é o tipo da coisa que não dá nem para trocar a ordem, pois é impossível ser fiel ou se apaixonar por apenas um sapato!!!!

 

Victoria Beckham de Roupão e Manolos em Las vegas

23 nov

Victoria Beckham publicou para seus seguidores do Twitter, uma imagem onde aparece apenas de roupão e com um par de sapatos Manolo Blahnik.

“Roupão e Manolo em Vegas”, escreveu a ex spice girl, ao partilhar a fotografia na varanda do hotel em Las Vegas, onde esteve para fazer uma sessão fotográfica.

 

Nicole Kidman descendo do Salto em Evento na Austrália

22 nov

Nicole Kidman ficou descalça no tapete vermelho da corrida de cavalos Victoria Derby, do Melbourne Cup, em Melbourne, capital do estado de Victoria, Austrália.

Acompanhada do chef George Calombaris, a atriz perdeu um de seus sapatos enquanto posava para os fotógrafos. Elegantemente, Nicole o calçou em frente de todos.

 

Tomas Bata

21 nov

Tomas Bata transformou a cidade tcheca de Zlin na capital mundial dos sapatos, e criou uma aldeia industrial “utópica” para seus operários, considerada por  Le Corbusier, como “fenômeno reluzente”.

O sucesso do império dos sapatos Bata bancou o crescimento de Zlin, de uma cidadezinha de 3.000 moradores em 1894, quando a companhia foi fundada, a um centro de 40 mil habitantes em 1938, quando os Bata fugiram para o Canadá antes da ocupação nazista da região.

A Bata continua a ser uma marca mundial, com mais de 5.000 lojas em 70 países, mas quem movimenta a economia de Zlin são grandes fabricantes de pneus e pequenas e médias indústrias.

Em 1948, com a volta do capitalismo, as empresas locais tiveram dificuldades de concorrer com os produtos chineses.